A volta das estilosas Chokers

0
475

Os colares surgiram tímidos no último inverno, e agora vem com força total para o Verão 2017

Os colares estilo Choker, gargantilhas de metal super justas ao pescoço, que foram febre nos anos 90, são os acessórios da vez. Em versões repaginadas que conferem um ar cool e sofisticado para a produção.

Como usar?

O modelo mais usado é o fininho, de tecido ou couro, que também pode ser combinado com outros colares, mas não há limites. Se você gosta de maximalismo, use um Choker maior em tecido com aplicação de pedraria ou como sobreposição de uma blusa de gola alta.

A eleita das adolescentes é a Tattoo Choker, de plástico e com motivos tribais, imitam uma tatuagem bem comportada. Lembrando que essa opção é indicada para compor looks mais despojados e sem pretensões de luxo.  


Use o Choker com um look bem neutro, sem muitas estampas ou excesso de informação. Claro que não é a única maneira mas, é uma sugestão de look garantido.

Camisetas ou tops preta, branca e cinza dão super certo. As listras também formam uma combinação afinada.

No pescoço vale apostar, além do Choker, em outros colares fazendo uma sobreposição bem estilosa. Mas se a sua blusa tiver pouco decote e a gola for mais alta é melhor evitar para não deixar o look over.

Pronta para colocar o seu e sair para “Chokar”?

COMPARTILHAR
Artigo anterior8 dicas para enlouquecer um homem na cama
Próximo artigoFestival Brasileiríssimo acontece na Praça Washington Luís neste final de semana!
Rô Macul - Moda e Beleza
Nasci e cresci entre tecidos, texturas e cores. Esse universo cíclico e fascinante chamado moda. Tive minha própria confecção, trabalhei na área por algum tempo e, assim, fui criando um conceito próprio sobre moda e estilo.

Hoje, acompanho de perto e com muito fascínio esse mundo de tendências, consumo e diversidade.

Moda, para mim, é um conceito que abrange não somente o que vestir, mas também, quais acessórios e maquiagem usar, e principalmente, como se comportar.

Não existe acessório mais elegante e sedutor do que sentir-se bem e segura na própria roupa. E ajusta-la ao seu estilo próprio é, no mínimo, imprescindível.

Lembre-se sempre que MODA é uma oferta. ESTILO é uma escolha!