Mulher de 51 anos morre em Valinhos vítima de H1N1

0
616

Uma mulher de 51 anos, que morava em Valinhos, teve a morte confirmada por influenza H1N1. Segundo informações da Secretaria Municipal da Saúde, ela começou a sentir os sintomas no dia 13 de junho. A doença se agravou e a mulher foi internada na Santa Casa do município no dia 15 de junho. A morte ocorreu no dia 25 de junho.

Esta é a segunda morte confirmada por gripe H1N1 no município. O resultado de exame do primeiro óbito foi divulgado no último dia 5. O paciente era um homem de 63 anos que morava no bairro Chácara das Nações, mas foi internado e morreu no Hospital Municipal de Paulínia. Ele também não tinha tomado a vacina contra gripe.

Segundo balanço da Divisão de Vigilância Epidemiológica, Valinhos contabiliza até a última terça-feira (17) 25 notificações de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

Cinco casos foram confirmados, sendo dois de H1N1 com óbito. Os pacientes se recuperaram e passam bem. Outras 10 notificações foram negativadas e mais dez aguardam resultados de exames.